ALIMENTOS PROCESSADOS NA INFÂNCIA

O efeito do acesso fácil e globalizado a alimentos ultraprocessados estão estampados no projeto DAILY BREAD

(pão diário), do fotógrafo americano Gregg Segal.

 

O projeto retrata a alimentação de crianças em diferentes países e compara os hábitos alimentares. 

 

Lá estão também as peculiaridades preservadas em diferentes culturas, especialmente as  indígenas, ainda pouco

acesso a cereais de caixinhas e comidas prontas.

 

Leia sobre cada uma das particularidades no site oficial: https://www.greggsegal.com/P-Projects/Daily-Bread/1/thumbs

Post Author: Priscila Germosgeschi

Formada no curso de Letras na UFMT. Professora na rede particular desde 2001. Professora de Redação em Curso Pré Vestibular na cidade de Cuiabá (MT).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *